quinta-feira, 22 de setembro de 2022

RN é o estado nordestino em que mais pessoas com deficiência têm acesso à internet

 


Pesquisa Nacional de Saúde voltada a Pessoas com Deficiência e Desigualdades Sociais no Brasil, divulgada nesta quarta-feira 21, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísica (IBGE) mostrou que o Rio Grande do Norte é o estado no Nordeste em que mais pessoas com deficiência têm acesso à internet.

Segundo dados de 2019, 70,2% dos potiguares com alguma deficiência tinham acesso domiciliar à internet. Esse é o maior percentual do Nordeste.  Dentre as pessoas sem deficiência, porém, essa proporção sobe para 83,2%.

Considerando os tipos específicos de deficiência analisados pelo IBGE, os indivíduos com deficiência física nos membros inferiores tinham a menor proporção de acesso, 63,3%, e as pessoas com deficiência mental, a maior proporção, 76,3%.

Os estados que apresentaram as maiores proporções de pessoas com deficiência com acesso domiciliar à internet foram Rio de Janeiro (75,2%) e São Paulo (78,5%), além do Distrito Federal (86,8%).