terça-feira, 4 de agosto de 2020

Governo mantém esforço para continuidade das atividades da Petrobrás no RN

Reunião virtual entre governo do RN e representantes da Gaspetro e Petrobrás


Mais uma vez a governadora Fátima Bezerra se reuniu com representantes da Petrobrás e da Gaspetro para tratar do plano de desinvestimento da empresa no Rio Grande do Norte. A reunião aconteceu em ambiente virtual na tarde desta segunda-feira 03/08 quando a pauta girou em torno da alienação das ações da Gaspetro na sociedade de economia mista que mantém com o Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Companhia Potiguar de Gás (Potigás).


Fátima Bezerra reiterou a preocupação com o plano de desinvestimento da Petrobrás pelo que a entidade representa na agenda de desenvolvimento econômico do Nordeste e, especialmente, do RN.

Radaes Fronchetti Picoli, gerente da Áreas de Participações em Refino e Gás Natural da Petrobrás, informou que já conversou com representantes de todos os estados brasileiros a fim de tratar do desinvestimento da Petrobras, em atendimento ao pleito apresentado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), órgão federal, assim como vem acontecendo com o Rio Grande do Norte.

Na ocasião ele esclareceu sobre os prazos para apresentação da oferta, bem como o direito de preferência dos sócios na Potigás. “O prazo é legal, foi assinalado pelo CADE e precisa ser cumprido sem prejuízo a algum pedido de prorrogação que precisa ser validado pelo Conselho”, pontuou.

O prazo assinalado para a formalização do negócio, até dezembro de 2020, é outro fator que preocupa a chefe do executivo estadual.

Participaram da reunião, além dos já citados, Ricardo Mello (Diretor Presidente da Gaspetro), Vitor Baroni (Diretor Corporativo da Gaspetro), Antônio Roberto (Vice-Governador), Fernando Mineiro (SEGRI), Aldemir Freire(SEPLAN), Larissa Dantas (Presidente da Potigás), Silvio Torquato (SEDEC), Marina Siqueira (Potigás), Hugo Fonseca (SEDEC) e Jaime Calado.


Fonte Assecom/Rn